Luna
14/06/2013



Querida Lizzy,

O mundo tem o prazer de ter há 22 anos. Eu há 6 (ou será que é mais que isso? sou péssima pra fazer conta). Nos conhecemos no ensino médio, duas garotas sonhadoras que passavam mais tempo escrevendo do que prestando atenção na aula. E crescemos e amadurecemos juntas. Pensar que estávamos no primeiro ano do secundário (afinal high school never ends) e já já a senhorita está formada da faculdade me faz ver o quanto o tempo passa rápido, o quanto não parece passar e o quanto parece que se passou uma vida inteira ao mesmo tempo que não passou nenhum segundo.

E já devo ter dito, mas sempre vale reforçar, o quanto me orgulho de você ter se mantido fiel a você mesma, não tenha se deixado corromper e tenha amadurecido sem nunca perder a sua essência - o que te faz você. Você carrega uma força que contagia.

Você sabe que eu não ando muito inspirada ultimamente, e eu queria que houvesse uma forma mais simples de conseguir transmitir o que eu queria te dizer (talvez leitura de mente?), mas não podia deixar essa data passar em branco. Ainda mais quando é você que deixa meus dias mais poéticos e mais inspirados, e me alegra com as suas histórias, e com as histórias da Lizzy (e do Benji, do Ian, do Julian, da Alice, da Alix... aposto que você tem um universo todo na sua mente).

E bem, essa é a minha forma de tentar te dar os parabéns. É mais um ano que passa e que o que eu sinto por você não muda, só cresce.